Procura-se um amor Cap.5

Muitas emoções neste último capítulo:

Cintia: Eu fiz o exame de DNA.
Tony: E qual foi o resultado?
Cintia: Deu negativo para a paternidade testada. Mas vamos repetir…
Tony: Você queria aplicar o velho golpe da barriga!
A casa caiu.
Cintia: O resultado foi o que a gente esperava.
Roseli: É só dar tempo ao tempo e ele vai se enforcar com a própria corda.
Cintia: Não sei se comemoro ou se choro.
Roseli: Você fez o certo, não deve chorar sobre o leite derramado.
Cintia: Pela reação dele, não tem como voltar atrás.
Roseli: Se ele não mora naquela casa bonita que te falou, ele sim quer dar o golpe.
Cintia: Vou colocar um anúncio na Rede Social, Procura-se um amor.
Roseli: Isso mesmo, amiga, a fila anda.Tony: Eu vim pegar as minhas coisas.Eu te amei. Se fosse um menino ia jogar bola com ele e se fosse menina ia
prepará-la para não ser vítima desse mundo cruel. – volta-se subtamente na espectativa dela se arrepender.
Com licença.
Roseli: (Sai detrás da porta) Você é mais falso que uma nota de 25 reais.
E para você não voltar vou abrir a porta.
Tony: Vocês queriam o dinheiro que pensavam que eu tinha.
Não fico nesta casa nem mais um minuto.
Roseli: É melhor sofre agora.
Cintia: Você ouviu ele disse o dinheiro que pensavam que eu tinha.
Tony: ( Usa a desculpa de ter esquecido algo ) Esqueci o meu aparelho de barbear. – e dirige-se lentamente em di-
reção ao banheiro.
Tony: Estava no banheiro.
Eu queria ter esse filho, nosso filho.
Cintia: Ele já tem pai. Não se preocupe. Adeus.
Roseli: Eu segui ele e ele mora numa pensão, muito simples por sinal.
Cintia: Eu vou ter esse filho.
E serei pai e mãe.
Roseli: Amiga, o seu filho é lindo. Chorão e cabeludo.
Cintia: Conseguiu acompanhar o nascimento do seu afilhado. Obrigada.
Roseli: (Surpresa) Eu vou ser a madrinha do Samuel, sua segunda mãe!
Cintia: Como o aniversariante ainda não fala. Eu quero agradecer a todos que me apoiaram nessa missão de ser mãe,
hoje é o dia mais feliz da minha vida…
Augusto: Eu não posso me calar. Agradeço ter entrado nesta grande família de amigos.
Eu te amo.
Cintia: Obrigada, meu amor.
Ese beijam.

FIM

Autor: Laercio Lucena


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *