Os Fugitivos Cap. 2

Este é o segundo capítulo:

Prof. Eustáquio: Boa tarde, moça!
Tania: (apressa o passo para fugir dele) Boa tarde, professor!
Prof. Eustáquio: Você não vai entrar no meu carro? Rapidinho chegamos à escola.
Tania: Quero evitar comentários.
Prof. Eustáquio: Deixo você na avenida antes da escola.
Tania: Precisamos conversar, por isso vou aceitar.
Prof. Eustáquio: Tania, o que sinto por você é o mais nobre sentimento de um homem por uma mulher.
Tania: Tenho namorado e vamos ficar noivos.
Prof. Eustáquio: A questão é se você sente o mesmo por mim.
Porque casamento se acaba até no altar.
Tania: Se continuar me assediando vou ter que sair da escola.
Prof. Eustáquio: ( Pensa alto ) Professor, porfessor está arriscando a sua carreira.
Neuza: Voces viram quem chegou junto do professor? Ai cala-te boca.
Neuza: Você parece nervosa, o que aconteceu?
Tania: Só vou beber água.
Neuza: O professor já está na sala.
Prof. Eustáquio: (Refere-se a entrada de Tania) Tem sol a essa hora da noite?!
Neuza: Ele nem disfarça.
Colega II: O quê?
Neuza: Nada, estou pensando alto.
Prof. Eustáquio: Alguém quer carona? Vou no sentido da roça.
Neuza: Eu e a Tania também.
Prof. Eustáquio: Só vou pegar a minha bolsa.
Neuza: Fique a vontade.
Tania: Só vou porque você vai também.
Cel. Cardoso: Teve aula vaga? Chegou cedo!
Tania: O professor dispensou a gente mais cedo.
Cel. Cardoso: Você está falando do mesmo professor?
Tania: É que ele teve um imprevisto. Veio jantar comigo?
Cel. Cardoso: Já jantei. Aproveite que saco vazio não para em pé.
Tania: Tome ao menos um prato de sopa para me fazer companhia.
Cel. Cardoso: Vou aceitar. A sopa de feijão com toucinho da sua mãe é irrecusável.
Neuza: S. Cardoso, tudo bem?
Cel. Cardoso: Tudo. O que a traz aqui?
Neuza: Não quero fazer fofoca, mas o senhor precisa tomar cuidado.
Cel. Cardoso: Os outros é que têm que tomar cuidado comigo!

Autor: Laercio Lucena


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *