Lembranças Cap. 2

Este é o segundo capítulo…

Dir. Suzana: Hoje, você está com cara feia por quê, Maria?
Profa. Roseli: Deve ter dormido de calça comprida.
Maria: Antes fosse isso.
Dir. Suzana: Então diga o que está fazendo essa ruga na sua testa?!
Maria: Agora não posso. Tenho que vigiar o portão. Porque o seu porteiro faltou.
Dir. Suzana: Deve ter sido por causa da violência.
Bem que eu não queria contratar alguém da região dele.
Maria: Ara, d. Suzana, não queria falar…Mas sou obrigada. Não posso compactuar com tanta mazela.
Primeiro falta o seu porteiro de novo… E a sua professora que devia ensinar os alunos faz
o contrário.
Dir. Suzana: Então, você está com essa cara de quem comeu e não gostou por minha causa?!
Maria: Sei que sou apenas uma merendeira e que a senhora é a diretora… Mas está tudo errado nessa
escola.
Dir. Suzana: Pode falar.
Maria: Os funcionários devem dar o exemplo para as crianças e não é o que acontece aqui.
Maria: A minha carreira de educadora foi interrompida, não sou auxiliar de serviços gerais, mas estou.
Profa. Roseli: Quando terminei a minha faculdade de pedagogia tinha tantos sonhos…
Maria: E o que a fez mudar?
Profa. Roseli: O dia a dia de uma professora é desgastante. Não termina quando o sinal toca.
Maria: Eu entendo. Mas temos que ter consciência de que por pior que seja a condição da educação, somos
privilegiadas. Vivemos na fase da inclusão social e podemos estudar.
Profa. Roseli: É o que nos resta agradecer e se conformar com o menos pior.
Maria: Estamos sem inspetora, preciso tocar o sinal.
Profa. Roseli: E eu tenho que organizar a fila da saída.
Maria: ( fala sozinha ) Devia agradecer à Deus todos os dias, aTia Roseli.
Dir. Suzana: O que disse, Maria?
Maria: Nada de importante. Nem me lembro mais…
Mãe: A senhora é a diretora dessa escola de merda?!

Autor: Laercio Lucen


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *